Asas de Flor

Poesia em seu coração

Textos


Tua flor

É tempo das plantas em flor,
o dia discursa a outro dia,
nenhuma tristeza se mostra no céu,
por toda a terra se faz ouvir a voz da alegria.
Não vejo nenhum mortal
- amante da sabedoria -
caído no chão da estação das flores.
O sol a acariciar aquece as folhas.
Teu olhar está em toda a parte,
não temas a pessoa que sou,
após haver-me amavelmente abraçado e beijado.
Em nós, a lealdade passa a ser um fruto.
A vida me coloca feito um anjo oculto,
num jardim natural e sagrado,
que sempre existiu dentro de você.
Pequenino míssil alado,
no propósito de te ver feliz,
te levará a provar do néctar do frasco lacrado.
Dessa mistura nasça o querer ser
mais do que pensa que pode ser.
Hoje eu dar-te-ia uma flor - ciclo de vida perene -
do canteiro mais brilhante e humanizado, mas não precisa.
Eu percebo. Tens estado apaziguado.
Serena, vibrante criatura,
adejando em torno da tua flor,
aproveitando aquele instante no tempo
que te é concedido sentir a eternidade.
Matilde Diesel Borille
Enviado por Matilde Diesel Borille em 08/11/2017
Alterado em 08/11/2017


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras